HCor na XVII Maratona Internacional de São Paulo

HCor na XVII Maratona Internacional de São Paulo

Hospital do Coração traz para a XVII Maratona Internacional de São Paulo a Caminhada do Coração HCor e promove conceito de qualidade de vida

HCor ressalta a importância da prevenção aos participantes da prova por meio de boas práticas esportivas

No próximo dia 19 de junho a partir das 8h25 acontece a XVII edição da Maratona Internacional de São Paulo, que contará com a participação do HCor – Hospital do Coração – por meio da Caminhada do Coração. Além disso, o hospital disponibilizará aos atletas 22 ambulâncias de apoio que oferecerá o auxílio emergencial aos participantes.

O cardiologista e médico do esporte do HCor, Dr. Nabil Ghorayeb, participará nessa sexta-feira (17/06), de um ciclo de palestras no auditório do Ginásio do Ibirapuera, a partir das 11h, com o tema: “benefícios e riscos da atividade física”. Durante a palestra, serão abordados as vantagens da prática da atividade física, importância da prevenção bem como os problemas ocasionados pelos esportistas que fazem exercícios sem orientação e respaldo médico e riscos de morte súbita em esportistas que não fazem avaliação médica prévia.

A Maratona de São Paulo contará com a participação de atletas profissionais, esportistas amadores e portadores de necessidades especiais. A competição terá as provas 10K, 25K e Caminhada do Coração 3k, com largadas na Avenida Jornalista Roberto Marinho e chegada distinta para cada categoria. No caso da Caminhada do Coração HCor a largada será às 8h25 com chegada na Avenida Jornalista Roberto Marinho. A TV Globo mostra ao vivo a largada da prova feminina, às 07h50m e, na sequência, às 08h30m, a largada masculina. A partir das 9h, a corrida será exibida dentro do Esporte Espetacular.

Após a maratona, especialistas do HCor e da UNIFESP atenderão 30 atletas em uma tenda (de 30 a 50 anos) para a coleta de sangue em repouso. O objetivo desse estudo é avaliar nesses atletas se houve alterações que possam indicar problemas cardíacos por meio dos exames de sangue. Após 72 horas, esses atletas farão novamente os exames para verificarem se houve alteração com os coletados no dia da maratona. Trabalhos científicos realizados em maratonas de Boston e Londres evidenciaram alterações parecidas com infarto agudo do miocárdio em atletas, por isso estamos avaliando esses atletas em nosso país para termos um parâmetro”, explica Dr. Nabil Ghorayeb, cardiologista e médico do esporte do HCor.

O HCor alerta sobre a importância de conscientizar profissionais e amadores na busca de uma atividade física segura. Caminhadas e corridas são práticas saudáveis, porém devem ser avaliadas previamente por uma equipe médica, que indicará ao paciente a quantidade e intensidade ideal para a prática desses exercícios.

De acordo com o cardiologista e responsável pelo Sport Check-up do HCor, Dr. Nabil Ghorayeb, toda prática de esportes é bem vinda, desde que realizada de forma correta e sem exageros ao organismo. “Recomendamos as atividades de cunho aeróbico como caminhadas, corridas, entre outros. Porém elas devem ser praticadas moderadamente e nos horários em que o sol está menos agressivo. Ações como a Caminhada do Coração HCor comprovam a importância da atividade física no contexto de saúde, qualidade de vida e entretenimento. Elas são indicadas a pessoas interessadas na prática de exercícios físicos, mesmo sendo sedentárias, atletas ou amadores”, completa Ghorayeb.

Sempre presente em eventos esportivos, o HCor traz para a Maratona Internacional de São Paulo o conceito de saúde e qualidade de vida, com a distribuição de Revistas do Coração – por meio de matérias sobre a importância da atividade física e como elas devem ser realizadas de maneira correta, com dicas sobre cuidados com o corpo, articulações, alimentação, entre outros.

Evite lesões ortopédicas mais frequentes e tome cuidado com seu coração

  • Prepare a musculatura. Faça um aquecimento com trote, por cerca de 5 a 10 minutos antes de iniciar a atividade;
  • Faça alongamento na parte posterior da coxa, panturrilha, quadríceps e músculos anteriores da perna, em três séries para cada grupo muscular, de 30 segundos cada uma;
  • O tênis deve proteger primordialmente os membros inferiores contra os impactos de repetição. As necessidades podem variar de acordo com a intensidade da atividade, mas sistemas de amortecimento de ar ou gel são importantes;
  • A roupa, embora não interfira diretamente nas lesões, pode gerar desconforto durante a atividade e interferir no seu desempenho. Prefira tecidos que permitam uma transpiração mais livre;
  • Postura ereta, com balanço harmônico dos braços a passadas suaves, garantem a estabilização de toda a estrutura do corpo, evitando o tensionamento e lesões;
  • Qualquer sintoma deve ser valorizado: palpitações, falta de ar, dores no peito, tonturas, pare imediatamente a sua corrida e procure auxílio médico.

 

Dicas de alongamento (a ser feito de preferência ao acordar pela manhã)

  • Alongue a parte posterior da coxa, panturrilha, quadríceps e músculos anteriores da perna. Faça três séries de 30 segundos cada;
  • Faça um aquecimento para preparar a musculatura. No estilo “trote” movimente-se por 5 a 10 minutos;
  • Mantenha a postura ereta, com balanço harmônico dos braços e passadas suaves para garantir uma maior estabilidade de toda estrutura corporal, evitando lesões;
  • Escolha um par de tênis adequado, pois devem proteger primordialmente os membros inferiores dos impactos e repetições de movimentos;
  • Dê preferência a roupas com tecidos que permitam uma transpiração mais livre.