Alta tecnologia no combate ao câncer

HCor dá um importante passo para ampliar sua atuação em oncologia com a aquisição de uma nova geração de PET-CT, um dos equipamentos mais modernos do mundo para diagnóstico nessa área

Novo PET CT do HCor
Novo PET CT detecta lesões menores e com menor grau de atividade, além de realizar diagnósticos mais rápidos e precisos, agregando maior conforto aos pacientes

A tecnologia de diagnóstico por imagens é uma das que mais vem avançando na área médica. A cada ano, os fabricantes colocam no mercado equipamentos mais rápidos e precisos. Nos tratamentos contra o câncer, o aparelho que representa a vanguarda científica chama-se PET-CT. No início dos anos 2000, o HCor foi pioneiro na compra deste equipamento, que já passou por várias evoluções e nas versões atuais conta com um avançado potencial diagnóstico. “Trata-se de um “super-scanner” que atua no formato dois em um, realizando simultaneamente dois tipos de análise. As imagens metabólicas do organismo (funcionais ou moleculares do corpo inteiro) são fundidas com os achados de imagens de tomografia computadorizada adquiridas com o mesmo equipamento”, afirma Dr. Carlos Alberto Buchpiguel, superintendente médico do HCor e responsável pelo PET-CT.

Por que essa combinação é tão importante? Segundo Dr. Buchpiguel, as doenças são caracterizadas por alterar a anatomia dos órgãos que são acometidos, esta alteração é detectada pela tomografia (CT). Os tumores também provocam alterações funcionais ou moleculares que, por vezes, precedem as alterações anatômicas, identificadas pelo PET. “Portanto, juntando as duas modalidades de imagem em um único equipamento é possível oferecer um diagnóstico mais precoce e completo da doença”, explica o médico.

Os ganhos para os pacientes são significativos. “Estamos falando de uma geração mais moderna de equipamento, onde temos tecnologia capaz não apenas de realizar exames mais rapidamente, agregando maior conforto aos pacientes, mas também permitindo detectar lesões menores e com menor grau de atividade comparativamente ao tipo de imagem que é usualmente obtida com aparelhos de gerações anteriores. Isso permite aumentar a sensibilidade do teste, com maior rapidez e agilidade no diagnóstico”, completa Dr. Buchpiguel.

O hospital investiu em um serviço extremamente moderno de radioterapia, numa área dedicada de quimioterapia ambulatorial e na contratação de equipes especialmente qualificadas no cuidado integrado do paciente oncológico

Unidade de Radioterapia do HCor Onco
A Unidade de Radioterapia do HCor Onco conta com equipamento de última geração, que proporciona maior segurança ao paciente

A nova aquisição faz parte da filosofia do HCor Onco. Criado em 2013, o serviço concebido para tratar doenças oncológicas foi implementado sobre dois pilares: buscar o que há de mais atual em termos de recursos técnicos e constituir um corpo clínico altamente qualificado. Essa combinação é o que garante a excelência do atendimento. O projeto tornou-se prioridade no planejamento estratégico da instituição diante do rápido crescimento dos casos de câncer entre a população brasileira. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), saímos de 489 mil casos novos em 2010 para uma estimativa de 580 mil em 2014.

O HCor Onco conta com uma equipe multidisciplinar, profissionais altamente especializados nas áreas de oncologia clínica, cirurgia oncológica, hematologia, hemoterapia, infectologia, enfermagem, psicologia, fisioterapia, nutrição e odontologia. Um dos principais focos do serviço é a prevenção e o diagnóstico precoce. Para isso, há um modelo de avaliação clínica individualizada para o risco de tumores, a partir do qual o paciente poderá ser encaminhado a serviços preventivos primários, redução de fatores de risco, e secundários, como exames e rastreamento para detecção precoce.

No Edifício Dr. Adib Jatene, está o ambulatório de quimioterapia com boxes com camas, poltronas e banheiros privativos e consultórios com moderna estrutura para atendimento de todas as necessidades do paciente oncológico. O projeto desse espaço teve a participação do corpo clínico e uma equipe multiprofissional na sua concepção e execução, tudo para tornar esse momento mais humano e acolhedor.