Projetos do HCor Instituto de Pesquisa


 

HCor Instituto de Pesquisa

Síndrome Respiratória

Maior estudo randomizado em terapia intensiva realizado no Brasil, o ART (Alveolar Recruitment Trial) tem como objetivo aumentar as chances de sobrevida de pacientes com Síndrome da Angústia Respiratória Aguda (SARA), principal causa de morte em UTI. O estudo está sendo realizado em 120 unidades de terapia intensiva do Brasil, Colômbia, México e Itália.

Novo medicamento para infarto

Estudo tem como objetivo testar uma nova medicação chamada Ticagrelor, destinada a pacientes com infarto agudo do miocárdio, que são tratados com trombolítico (remédio para melhorar o fluxo sanguíneo em um infarto). O HCor coordenará outros 10 países neste projeto, que será o primeiro grande estudo internacional, com 3.800 pacientes.

Práticas para redução de mortalidade

“Intervenção Brasileira para Aumentar o Uso de Evidências na Prática Clínica – Síndromes Coronarianas Agudas” -, que prevê melhorias no atendimento a casos de infarto. A pesquisa teve participação de 34 hospitais públicos e conseguiu reduzir em 20% a mortalidade por infarto.

Atendimento de AVC

“Intervenção Brasileira para Aumentar o Uso de Evidências na Prática Clínica – Acidente Vascular Cerebral”. O Estudo BRIDGE-STROKE representa um projeto de melhoria de qualidade assistencial, por meio de incorporação de intervenções baseadas em evidências em hospitais do Brasil e países da América Latina.

Pacientes de alto risco cardiovascular

“O estudo BRIDGE Cardiovascular Prevention (BRIDGE CV) consiste em um ensaio clínico randomizado em clusters cujo objetivo principal é avaliar a efetividade de uma estratégia de melhoria de qualidade assistencial a pacientes de alto risco cardiovascular (como por exemplo, pacientes com infarto do miocárdio, acidente vascular cerebral e doença arterial periférica). Esse estudo envolve 42 hospitais e unidades de atenção básica e já incluiu 1.006 pacientes de um total de 1.680, os quais serão acompanhados por um período de 12 meses”.

Fibrilação atrial

Tem como objetivo realizar um estudo de fase 2, avaliando uma dose de 20mg/dia de Rivaroxabana comparada com varfarina durante um período de tratamento de 12 meses em indivíduos selecionados com fibrilação atrial e bioprótese de válvula mitral para segurança (sangramentos maiores) e explorar a eficácia da Rivaroxabana em doses toleráveis.

Hidratação

O BASICS é um estudo randomizado fatorial que visa avaliar dois aspectos importantes envolvendo a reposição volêmica (Hidratação) na terapia intensiva: a composição do fluido e a velocidade com a qual ele é infundido. O estudo avaliará se soluções balanceadas (com menor conteúdo de cloro) podem associar-se com menor mortalidade em 90 dias. Da mesma forma, o estudo avaliará se velocidades mais lentas de infusão se associam com melhores desfechos.

Cirurgia Bariátrica x Hipertensão

Verifica o efeito da Cirurgia Bariátrica no controle de hipertensão arterial (pressão alta) e redução de peso. Pacientes que são obesos e hipertensos consomem mais de dois ou três medicações. Neste estudo, 100 pacientes obesos foram operados para testar a eficácia da cirurgia na redução da hipertensão.