Equipe Multidisciplinar agiliza atendimento aos pacientes com parada cardíaca

Ao acionar botão de emergência instalado próximo ao leito, equipe denominada Time de Resposta Rápida é avisada imediatamente, tornando o atendimento ainda mais eficaz

Equipe Multidisciplinar Agiliza Atendimento aos Pacientes com Parada Cardíaca

Para atender com mais agilidade os pacientes acometidos por parada cardíaca, o HCor desenvolveu o “Sistema de Atendimento à Parada Cardíaca”. Trata-se de um dispositivo com botões de emergência inseridos no mesmo aparelho de chamada de enfermagem, localizado próximo ao leito.

Composto por dois botões, um amarelo para atendimento de urgência e outro azul para parada cardíaca, este dispositivo acionará o Time de Resposta Rápida (TRR) do HCor (Adulto e Pediátrico), formado por uma equipe multidisciplinar.

“Ao acionar o botão amarelo (código de urgência) o TRR identifica que são pacientes de risco, com comprometimentos respiratórios, circulatórios ou mesmo neurológicos. Já quando o botão azul é acionado (código de parada cardiorrespiratória), a equipe multidisciplinar identifica como pacientes com parada cardíaca, que necessitam de atenção naquele exato momento, sendo oferecido todo suporte básico e avançado para garantir a sobrevida destes pacientes”, esclarece o Coordenador do TRR do HCor, César Ribeiro.

Botões Instalados Próximos ao Leito
Botões instalados próximos ao leito fazem parte da estratégia para agilizar o atendimento. O botão amarelo indica pacientes de risco e o azul pacientes com parada cardiorrespiratória

De acordo com o Coordenador do TRR, a implementação do Time de Resposta Rápida no HCor chegou como parte de uma estratégia do grupo de emergência, com o objetivo de evitar as ocorrências de parada cardiorrespiratória e, consequentemente, reduzir a mortalidade hospitalar. “A função desta equipe é identificar, por meio de sinais e sintomas de piora clínica súbita e inesperada, a melhor conduta para a segurança dos pacientes hospitalizados, bem como intervir precocemente e prevenir na ocorrência de parada cardíaca”, esclarece Ribeiro.

Por meio deste dispositivo, o colaborador aciona o Time de Resposta Rápida, que imediatamente traz o carrinho de emergência composto por desfibrilador e todos os medicamentos e materiais necessários e, simultaneamente, executa os primeiros procedimentos de socorro como, por exemplo, a massagem cardíaca. “Todos os acionamentos e chegadas da equipe ficam registrados. Atualmente, o tempo médio entre acionamento e chegada da equipe no leito é de apenas dois minutos”, pontua Ribeiro.

De acordo com o Gerente Executivo de TI do HCor, José Lobato, antes da criação deste sistema, ao encontrar o paciente nestas condições de emergência os enfermeiros utilizavam o telefone ou procuravam por ajuda no posto de enfermagem da unidade. “O atendimento para estes pacientes requer ainda mais atenção e o fator tempo é primordial. Com a implantação deste dispositivo, ficou ainda mais rápido e eficaz”, destaca.